Curta a nossa página
30/12 12h02 2017 Você está aqui: Home / Política Emanuel Vital Imprimir postagem

PP prepara filiações e consolida maior estrutura política do PI

O Progressistas prepara um evento de novas filiações de prefeitos no dia 5 de janeiro de 2018. O projeto do senador Ciro Nogueira (PP), presidente nacional do partido, continua a desenvolver no Estado uma estretégia de médio e longo prazo que, de acordo com ele, visa as eleições de 2022, quando afirma que o PP terá candidato ao governo. Ele trará a Teresina no início de janeiro para o evento o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, para anunciar novos recursos aos municípios.

Ciro Nogueira diz que o partido vai filiar mais de 80 prefeitos. Além disso, ele garante que haverá filiação de deputados estaduais em março, - quando for aberta a janela partidária -, mas não quis adiantar quais e quantos seriam. O deputado José Hamilton é um dos mais visados pelo Progressistas.

Com a confirmação das filiações sob o prestígio de Ciro Nogueira,  que tem forte influência no governo federal, o Progressistas vai se consolidando como o partido mais estruturado no Estado e reforça sua musculatura política com presença nas prefeituras. Termina o ano sendo a sigla com maior número de prefeitos filiados, são 62 até agora.

“Nossa meta é passar dos 80 prefeitos em fevereiro. Nós temos essas perspectivas no início do próximo ano, é uma meta bastante viável pela quantidade de pessoas que têm procurado o partido, tem se engajado no nosso projeto e vamos continuar crescendo

Para Ciro Nogueira, o foco deste trabalho estratégico que ele já vem realizando dentro do partido pelos municípios vislumbra 2022. O PP participará do processo eleitoral de 2018 integrado a uma estrutura política de maior fôlego para chegar ao poder em 2022 e para isso reivindica duas vagas na chapa de reeleição do governador Wellington Dias (PT), a manutenção do espaço de vice e a vaga de senador para a sua reeleição. 

A estratégia seria o melhor caminho para chegar ao poder mais facilmente na eleição ao governo em 2022. “O grande foco vai ser 2022, não tenha dúvidas de que nós teremos um candidato a governador”, observou o senador.

O Progressistas mantém ampla base de apoio no interior e aliados estratégicos como Wellington Dias e o prefeito Firmino Filho, os quais sempre demonstra o desejo de ver no mesmo palanque. 

No Piauí, hoje o PP tem um senador, um deputado federal que é a Iracema Portella e três estaduais, Júlio Arcoverde e os suplentes Belê Medeiros e Bessah Filho, além da vice-governadoria com Margarete Coelho.

 

Cidadeverde


Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Notícias relacionadas