Curta a nossa página
20/12 14h25 2019 Você está aqui: Home / Política Emanuel Vital Imprimir postagem

"Eu quero o fortalecimento do PT", diz governador sobre eleições 2020

O governador Wellington Dias (PT) afirmou que 2020 será um ano importante para o PT. Em ano de eleição municipal, ele disse que quer o fortalecimento da base, mas afirma que o foco principal é fortalecer o PT na capital.

O governador quer que o partido cresça e eleja o maior número de prefeitos e vereadores no estado.

As eleições municipais são vistas pelos partidos como decisivas para o pleito de 2022, quando ocorre a disputa estadual. A declaração do governador chama atenção já que na base, o Progressistas já anunciou que terá candidato a governador em 2022 e deve ficar no palanque oposto ao do PT. 

"Tenho a tarefa de cuidar  de um campo político. Ajudar nesse campo político nacional e buscar trabalhar esse campo político no estado. Esse campo político foi reconhecido, mas é preciso trabalhar, suar, porque a população precisa reconhecer. O reconhecimento é bom para quem é candidato a governador, quem é candidato a prefeito, a vice, quem trabalha a organização da campanha em cada município. Eu sou do partido dos trabalhadores, como quero o fortalecimento dos outros partidos desse campo político, que trabalham conosco no Piauí e no Brasil, também no estado do Piauí, eu quero o fortalecimento do PT", disse.

Para o governador, o PT só irá crescer e atingir a meta, caso elabore um plano de governo eficiente. 

"Tem uma boa perspectiva.Quem lá atrás entrou na onda de muito ódio, em especial, contra o PT, muitos que várias razões se tornaram antipetistas, já começam a reconhecer, a olhar e reconhecer o legado. Tem um ambiente, na minha opinião, melhor. Vamos chegar  em outubro bem melhor. Não podemos viver no passado. É preciso ter um projeto que traga esperança e perspectivas. As pessoas querem isso. Temos que estar a altura para responder a esse novo momento. O Piauí já não é mais aquele dos anos 1980. O Brasil também. A pauta já não é mais a mesma. Ainda temos algumas coisas da pauta lá atrás, mas já avançamos. A capacidade de resposta para aquilo que é prioridade da população", destacou.

Para a base, o governador manda um recado. Ele quer participar junto do planejamento dos partidos aliados.  

"Primeiro de planejarmos juntos. Trabalhar dentro da lei, trabalhar dentro da lei, trabalhar com todo o cuidado para quebramos cada vez mais os chamados vícios do passado nessas regras eleitorais. E temos que acreditar no povo. Um erro é quando você não acredita na população. Quem tiver junto com esse olhar para a população ganha. Nosso time tem chance de ser vencedor", afirma.  

Balanço de 2019

O governador fez um balanço positivo sobre o ano de 2019. Ele afirma que para 2020 terá três focos principais.

"Confesso que terminamos realizando mais do que eu mesmo havia programado lá atrás. Anunciei no começo do ano que em razão da conjuntura nacional havia a necessidade de reorganizar o mandato diante da conjuntura nacional. Não apenas o equilíbrio financeiro e fiscal, mas o projeto que foi vencedor em 2018 e fizemos isso. Em 2020 vamos alcançar três coisas: a primeira é um plano mais ousado com o foco que é a educação. Condição de alavancar a educação, depois a qualidade de vida que gera melhora de renda, a partir de uma capacidade de investimento, parcerias com a bancada federal, com o governo federal e organismo nacionais e internacionais, dos agentes financeiros e fundos nessa área de crédito, financiamento, e também, modelagens que se casam e se combinam na área de parceiras público privadas. Vamos estimular a economia e geração de emprego. A melhora da renda e emprego são grandes desafios", destacou. 

Wellington participou de café da manhã na vice- governadoria. Ao lado de Regina Sousa, ele também destacou o trabalho da vice. Segundo ele, Regina tem assumido um papel fundamental no governo

"A vice-vice-governadoria tem um papel, uma função neste mandato e o foco é o social. Ela assume a função de governadora em vários momentos. Mas no entendimento e experiência extraordinária. Ela assume a função de.governadora. ela tem uma equipe que é integrada com várias áreas. A medida em que temos um olhar para quem mais precisa, vai visitando e mantendo o diálogo. São situações de terra, renda, comunidades quilombolas. O Piauí ainda tem uma quantidade de pessoas que são índios e preciso de atenção. Acredito que 2020 vai ser um ano bem melhor", afirmou.


Cidadeverde.com


Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Notícias relacionadas