Curta a nossa página
21/01 08h32 2020 Você está aqui: Home / Política Emanuel Vital Imprimir postagem

Oposições lançam o professor Alan de Graça como pré-candidato a prefeito em São João da Varjota

O partido dos trabalhadores, PT, realizou no último final de semana evento político para filiação de novos militantes à sigla no município de São João da Varjota.

O deputado Federal Assis Carvalho, presidente estadual do PT no Piauí, capitaneou a reunião. Na ocasião, o partido lançou o professor Alan de Graça como pré-candidato a prefeito. O nome para disputar a vaga de pré-candidato a vice na chapa ainda está em aberto.

As duas ex-candidatas a prefeito no município na eleição de 2016, Galêga que concorreu pelo PRTB e Miriam Custódio que disputou pelo Solidariedade (SD), ambas pela oposição, assinaram ficha de filiação ao Partido dos Trabalhadores. As duas filiações demonstração a união dos partidos de oposição em São João da Varjota para disputar as eleições de outubro próximo.

No mesmo evento, foram apresentados como pré-candidatos a vereador os nomes de: Preto de Elias, Professor José Francisco, Francielton, Neide de Alcione, Benedito, Valério e Noelma; ainda se filiaram Rafael de Didé, Gonçalo Borges, Francim Vaqueiro, Valério e outras lideranças locais.

A reunião petista teve ainda a participação do presidente do PT local, José Willian, vereador Benevaldo PT, ex-vereadora Clara PT; líderes do movimento quilombola e Movimento dos Pequenos Agricultores Rurais, Lilian e Senhorinha, além dos vereadores de Oeiras, Gilmar Fontes, Arimateia Júnior e Fortunata Fontes.

“Hoje, foi dia de receber novos filiados e anunciar o professor Alan de França como nosso pré-candidato a prefeito. A cidade quer mudança e vamos oferecer o jeito petista de governar. PT firme, unido, na oposição fortalecida pelo apelo popular, em São João da Varjota”, pontuou Assis Carvalho.

 

Redação|Folhadeoeiras


Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Notícias relacionadas