Curta a nossa página
11/05 13h14 2015 Você está aqui: Home / Cultura Weslley Nunes Imprimir postagem

Inclusão da cultura indígena no Piauí

Você está aqui: Home / Cultura - com Weslley Nunes

O Governo estadual vai aumentar a inclusão dos povos indígenas que vivem no Piauí nos eventos promovidos pelo Estado, por meio da Fundação Cultural do Piauí (Fundac). A proposta foi apresentada em encontro do especialista indígena e coordenador técnico da Fundação Nacional do Índio (Funai/PI), Romeu Tavares, com a diretora de Ação Cultural e presidente interina da  Fundac, Jacemia Dantas, e o diretor Financeiro e Administrativo do órgão, Halysson Carvalho.

 

No encontro também foi tratado sobre a apresentação do projeto de um seminário de educação organizado pelos índios e a criação da Escola Indígena. Um primeiro contato institucional para criação da escola já ocorreu, no passado, entre a Secretaria de Estado da Educação (SEDUC) e a Fundação Nacional do Índio (FUNAI).

 

A Fundac pretende montar um stand com exposição indígena no período do Festival de Folguedos de 2015, onde as tribos que vivem no Piauí poderão mostrar sua cultura e seus trabalhos artesanais.

 

Romeu Tavares parabenizou a 13ª Semana dos Povos Indígenas realizada pela Fundação Cultural no Museu do Piauí no mês de abril, onde foram realizados exposições, palestras, mesa redonda, lançamento de livros e apresentações culturais com a presença do índio equatoriano da tribo “Kichua” e componente da banda “Chasca”, Nelson Ramos.

 

“Atualmente, eventos que integrem os povos originários e a sociedade são muito importantes para os estudantes. Participei da palestra “Índio: protagonismo e reconhecimento” e pude acompanhar de perto a surpresa dos alunos e professores em descobrirem que muitas tribos vivem em nosso estado, como é o caso dos Cariris da Serra Grande, no município de Queimada Nova, os Tabajaras Itacoatiara, em Piripiri, os Tabajaras de Nazaré, em São Francisco do Piauí, e os Cadóis e Cabeludos, na região de Pedro II”, destacou o especialista.

 

O Piauí conta também com a Casa de Apoio a Saúde do Índio (CASAI), que é reconhecida pelo Ministério da Saúde e assegura atenção integral aos indígenas. A instituição é composta por uma equipe de enfermeiros, assistentes sociais, farmacêuticos e técnicos de enfermagem, com atendimento de alta e média complexidade.

 

De acordo com o último Censo do IBGE, atualmente vivem em nosso estado cerca de 3 mil índios, sendo que a maior concentração se dá na capital, Teresina. A sede da FUNAI - PI fica localizada na cidade de Piripiri.

 

FUNDAC


Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Publicações relacionadas